Category Archives: Bolo

Bolo de Cacau Proteinado

DSC02323

Essa semana comecei a malhar e cuidar da minha alimentação. Disciplina pra persistir é muito importante, mas será que dá pra sair da mesmice da dieta sem jogar todo o esforço por ralo abaixo? Resolvi então usar a criatividade na cozinha oras! Acabei de criar um bolo proteinado :)  Bem rápido, feito à mão! Fica bem macio, que desmancha. Rendem 8 porções.

Ingredientes:

3/4 xíc. açúcar mascavo

1 xíc. água morna

1/4 xíc. óleo de soja

1 scoop de whey protein sabor chocolate

3/4 xíc. farinha de amêndoas

1/2 xíc. de farinha de sêmola

2 col. (sopa) rasas de cacau em pó

1 col. (sopa) rasa de fermento em pó

1 col. (café) rasa de bicarbonato de sódio

Modo de preparo:

Misture os líquidos e o açúcar. Adicione os ingredientes secos peneirados e misture à mão, de preferência com um fuê (batedor de arame).  Coloque em uma assadeira pequena untada com manteiga e leve ao forno pré-aquecido (230 ºC) por aprox. 35min ou até que enfiando um palito ele saia seco.

Tabela Nutricional

Calorias

Calorias 221
Carboidratos 24
Gorduras 11
Protéinas 7
Sódio 19
Açúcar 15

DSC02320

Todo meu patrimônio são meus amigos :)

Quem disse que é preciso gastar muito para comer bem? Descobri aqui em Curitiba um talento gastronômico escondido! Minha querida amiga Georgia tem mãozinhas de fada, não é a toa que o apelido Sininho caiu como uma luva =D Ontem ela preparou algo bem simples mas com uma combinação de texturas e sabor espetacular, porque comida boa é simples!

Arroz, frango e bifun crocante! Olha não teve quem não lambeu os beiços!
DSC01344
E de sobremesa preparei aquela receitinha que guardo no bolso porquem de 10 pessoas que comem, 10 soltam um “Pelo amor de Deus, isso é muito bom!” É sucesso garantido esse Bolo da minha ídola number #1 #fovever, Roberta Sudbrack *__*
DSC01348

Bolo Light s/ Glúten


Resolvi criar um bolo light e sem glúten e não é que ficou bom?! Segue a receitinha ;)

Ingredientes:

2 ovos
100g de margarina light
160g de açúcar mascavo
200g de mix de farinha (farinha de banana, farelo de aveia e farinha de linhaça)
100g de farinha de arroz
120ml de leite desnatado
10g de fermento químico

Calda
1 col. (chá) margarina light
2 col. (sopa) de melaço
10g de cacau

Decoração: Granola

Modo de preparo

Bata a margarina com o açúcar. Adicione os ovos e bata mais um pouco. Adicione as farinhas, alternando com o leite. Adicione o fermento e leve para assar em forno pré-aquecido por 40min.
Para a calda, misture todos os ingredientes e leve ao fogo até ficar homogênea. Desepeje sobre o bolo e coloque a granola.

Cake Pop

Cake pop’s Keilla Menezes

Cake pop é uma forma diferente de comer bolo. Significa bolo no palito e tem infinitas formas criativas de criação. Eu criei alguns para minha marca Keilla Menezes. A marca é uma impressão feita em papel de arroz que encomendo com Cristiane.

Como fazer cake pop:

1. Tenha um massa de qualque bolo de sua preferência.
2. Esfarele a massa e misture com algo para dar ligar. Pode ser brigadeiro, leite condesnado, nata, cream cheese, doce de leite ect.
3. Modele no formato desejado.
4. Enfie o palito. Eu uso de picolé pois os cake pop’s são grandes e dá mais estabilidade. Mas se for fazer bolinhas menores dá pra usar palitinhos de piriluto ou de churrasco.
5. Leve a geladeira para que firmem.
6. Banhe no chocolate ou foundant e decore como desejar!

Cake Pop de Brigadeiro

Cake Pop de Limão

Cake Pop Chocrocante

Cake Pop Twix

Doce música, por que a ouves tão triste?

És música e a música ouves triste? 
Doçura atrai doçura e alegria: 
porque amas o que a teu prazer resiste, 
ou tens prazer só na melancolia? 
se a concórdia dos sons bem afinados, 
por casados, ofende o teu ouvido, 
são-te branda censura, em ti calcados, 
porque de ti deviam ter nascido. 
Vê que uma corda a outra casa bem 
e ambas se fazem mútuo ordenamento, 
como marido e filho e feliz mãe 
que, todos num, cantam de encantamento: 
    É canção sem palavras, vária e em 
    uníssono: “só não serás ninguém”. 

Soneto 8, de William Shakespeare

Neste mês fiz o bolo de chá de bebê da Letícia, adotada pela minha amiga Patrícia Muller. Uma parte da imensa doçura de Letícia ficou em seu singelo bolo.

A massa foi pão-de-ló que aprendi no livro Técnicas de Confeitaria Profissional, da editora Senac. Indico esse livro para os amantes da arte Confeitaria.

Quem deseja realmente tornar-se um bom confeiteiro deve aprender as técnicas básica e clássicas e, a partir daí, começar a cria suas próprias receitas. Livros de receitas são interessantes para dar idéias, mas é preciso técnica para criar algo além de saboroso, estético, que junto a um senso apurado e um refinamento, obtendo uma verdadeira obra de arte gastronômica.

Para o recheio fiz uma calda de frutas vermelhas com amora e morangos. No post ensino como fazer. Misturei com um pouco de glacê e cream cheese e ficou sensacional!

Frutas e açucar

Cozinhando a chimia

Resultado Final

Para levar pro chá, fiz cupcakes pink com cobertura de glacê :)

Qual sua profissão?

Estou me aventurando em fazer bolos com pasta americana! É um técnica bem especial que permite fazer criações personalizadas onde posso usar minha criatividade :) O primeiro que fiz foi em mês passado para o aniversário do meu amigo Eduardo. Fizemos uma surpresa para ele durante um encontro de Artes Marciais. Ele é faixa preta no estilo Nei Kung e fiz o bolo imitando o kimono dele, vermelho com uma faixa.

 

Bolo 2 Amores: Massa de Chocolate e Baunilha com recheio de Brigadeiros Branco e Preto

E para homenagear os guerreiros, que são aqueles que travam a verdadeira batalha, não a externa, mas a batalha interior:

Katana

Ela se levanta altiva e ereta
E leva consigo a pureza dos valores.
É implacável com a mediocridade,
Como um espelho reflete o temor dos covardes
Ou a dignidade dos corajosos.
É a verdadeira compaixão dos bondosos,
Pois seu trajeto reflete a luz
Da retidão da alma que a conduz.
Ela se torna, enfim, parte de mim.
E, livre de desejos, o meu coração.
Com ela os obstáculos não passam de ilusão.
Pois nada é capaz de parar a Vontade.
É o seu Destino posto em ação.

Poesia em casa

Versos vertidos para o português - por Pedro Gonzaga

getting started

Para comer com os olhos e com o coração

Cannelle et Vanille

Para comer com os olhos e com o coração

Para comer com os olhos e com o coração

Para comer com os olhos e com o coração

Yummly

Para comer com os olhos e com o coração

Pitadinha

Para comer com os olhos e com o coração

A Cozinha Coletiva

Para comer com os olhos e com o coração

Para comer com os olhos e com o coração

Para comer com os olhos e com o coração

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.