Cacos


Espelhos mostram que o tempo
De mim levou a doçura.
Sobrou só descontentamento,
Nem ao menos um pouco de loucura.

Pois os loucos têm a vantagem
De não ter ciência da sua dor
E só por destemperos agem,
Sem senso nem pudor.

Leve também a minha lucidez,
Cansei de tanta estupidez.
Toma-me a embriaguez
E a consciência de uma só vez,

Antes que o espelho se parta
E, em cacos, fique eu despedaçada.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: